segunda-feira, 23 de maio de 2011

Explicar o Inexplicável

Seguidores de seita buscam resposta do erro do Fim do Mundo

Seguidores esperam explicação pela previsão falha do fim do mundo de 21 de Maio de Harold Camping. Passou o dia 21 de Maio e o fim do mundo não aconteceu. Agora muitos estão desejando que Harold deve dar uma explicação.

De fato, o pregador está buscando discrição saindo do foco de sua previsão falha. A Website da Famify Radio não está sendo atualizada, e ainda proclama o dia do Julgamento Final em 21 de Maio, de acordo com o jornal americano Daily News.

Camping espalhou anúncios por diversas partes do mundo levando até outras pessoas largarem seus empregos e casas para alertar as pessoas sobre a sua previsão do arrebatamento.

Decpcionado, um trabalhador da MTA disse, Eu não entendo," depois que constatou que o arrebatamento não aconteceu. "Eu não entendo por que nada aconteceu," disse Robert Fitzpatrick, de 60 anos de idade.

Outros também ficaram apenas na esperança dizendo que o céu seria um lugar melhor para se viver.

"Eu estava esperando por isso porque acho que o céu seria um lugar melhor do que essa terra," disse Keith Bauer que dirigiu desde Maryland para Califórnia para esperar pelo arrebatamento na sede da Family Radio.

Tantos os adeptos quanto aos críticos esperam que Camping explique sobre sua errônea previsão, como ele fez em1994.

"Eu espero realmente que ele tenha uma explicação," disse Steve Wohlberg, um ministro de Idaho que na semana passada contestou abertamente a previsão de Camping de 21 de Maio.

Wohlberg e muitos teólogos cristãos acreditam que o fim do mundo se aproxima, entretanto argumentam que não se sabe a data do fim dos dias.

Ainda com relação a se estudar a Bíblia tentando encontrar uma fórmula para se calcular a data do arrebatamento, um professor do Seminário Fuller Clay Schmit disse, "Há certas coisas sobre a fé que estão realmente escondidas por trás do véu," disse o professor de pregação da Fuller.

Desta maneira, aqueles que usam a Bíblia para formular teorias, equações que não são claramente encontrados no texto, estão indo além dos propósitos das escrituras.

Fonte: Creio.com

7 comentários:

  1. Graça e paz!

    Uma frase dita pelos que acreditaram na precisão do fim do mundo chamou muito minha atenção: “Eu estava esperando por isso porque eu acho que o céu seria um lugar melhor do que essa terra”

    É lamentável como grande parte dos crentes preferem esperar pelo céu, do que fazer da terra um lugar melhor para se viver.

    "Venha a nós o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra, como é no céu" -certamente este é o trecho da "oração do pai nosso" mais mal compreendido. Estamos neste mundo para sermos sal e luz, aqui e agora, não no milênio (teologia bastante controversa, por sinal).

    Façamos deste mundo um lugar melhor, a começar pela pregação do evangelho, pois Jesus é o único capaz de mudar corações e mentes.

    Deus abençoe a todos!

    ResponderExcluir
  2. Graça e paz!
    Alan Capriles

    Primeiramente meus sinceros agradecimentos por mais esta visita e paticipação!É sempre motivo de grande grande honra!

    Amém! por todas as suas palavras! E realmente somente Jesus é capaz de mudar corações e mentes.

    Clicando no seu nome ou sua foto, está mencionando que o Perfil não está disponivel. Favor passar o nome de seu blog, para que possa acessar e ser abençoado e edificado por ele!

    Deus nos abençõe e que possamos sermos verdadeiros sal e luz para glória do Senhor!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Amado irmão Rodolfo,

    Eu não sabia que meu perfil não estava disponível. Vou consertar isso imediatamente.

    Quanto ao meu blog, aí vai o endereço:

    http://alancapriles.blogspot.com/

    Como você verá, seu blog está entre a relação de blogs cujas notícias divulgo. Aproveito para lhe parabenizar pelo excelente trabalho.

    Deus lhe abençoe cada dia mais!

    ResponderExcluir
  4. Graça e paz!
    Amado Pastor Alan

    Estou acabando de retornar de seu edificante Blog, e não tem como deixar de mencionar para amigos que não conhecem deixar de fazer uma visita! Serão grandemente abençoados!

    É sempre uma grande honra te-lo por aqui, e estar incluso na sua lista de blogs. Agradeço muito a parceria!

    Deus abençoe vc, seu Ministério e Blog!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Shalom amado e herdeiro em Cristo...

    É lamentavel a situação das pessoas que criam nesse pseudo espiritualista, de fato hoje nosso maior inimigo nao é o Diabo, porque esse está derrotado, e sim a ignorancia a respeito da palavra de Deus. Os 4:6

    Shalom... otimo blogger

    ResponderExcluir
  6. Graça e paz!
    André Pereira

    Meus agradecimentos pela visita! Volte sempre! Será motivo de honra!

    E Parabéns pelo seu abençoado Blog! Muito edificante!

    Shalom amado em Cristo!

    ResponderExcluir
  7. BREVE CRÍTICA AL PROFETISMO JUDÍO DEL ANTIGUO TESTAMENTO: La relación entre la fe y la razón expuesta parabolicamente por Cristo al ciego de nacimiento (Juan IX, 39), nos enseña la necesidad del raciocinio para hacer juicio justo de nuestras creencias, a fin de disolver las falsas certezas de la fe que nos hacen ciegos a la verdad mediante el discernimiento de los textos bíblicos. Lo cual nos exige criticar el profetismo judío o revelación para indagar la verdad que hay en los textos bíblicos. Enmarcado la crítica al profetismo judío en el fenómeno espiritual de la trasformación humana, abordado por la doctrina y la teoría de la trascendencia humana conceptualizadas por los filósofos griegos y sabiduría védica, instruida por Buda e ilustrada por Cristo; la cual concuerda con los planteamientos de la filosofía clásica y moderna, y las respuestas que la ciencia ha dado a los planteamientos trascendentales: (psicología, psicoterapia, logoterápia, desarrollo humano, etc.), y utilizando los principios universales del saber filosófico y espiritual como tabla rasa a fin de deslindar y hacer objetivo “que es” o “no es” del mundo del espíritu. Método o criterio que nos ayuda a discernir objetivamente __la verdad o el error en los textos bíblicos analizando los diferentes aspectos y características que integran la triada preteológica: (la fenomenología, la explicación y la aplicación, del encuentro cercano escritos en los textos bíblicos). Vg: la conducta de los profetas mayores (Abraham y Moisés), no es la conducta de los místicos; la directriz del pensamiento de Abraham, es el deseo intenso de llegar a tener una descendencia numerosísima y llegar a ser un país rico como el de Ur, deseo intenso y obsesivo que es opuesto al despego de las cosas materiales que orienta a los místicos; es por ello, que la respuestas del dios de Abraham son alucinaciones contestatarias de los deseos del patriarca, y no tienen nada que ver con el mundo del espíritu. La directriz del pensamiento de Moisés, es la existencia de Israel entre la naciones a fin de llegar a ser la principal de todas, que es opuesta a la directriz de vida eterna o existencia después de la vida que orienta el pensamiento místico (Vg: la moradas celestiales, la salvación o perdición eterna a causa del bien o mal de nuestras obras en el juicio final de nuestra vida terrenal, abordadas por Cristo); el encuentro cercano descrito por Moisés en la zarza ardiente describe el fuego fatuo, el pie del rayo que pasa por el altar erigido por Moisés en el Monte Horeb, describe un fenómeno meteorológico, el pacto del Sinaí o mito fundacional de Israel como nación entre las naciones por voluntad divina a fin de santificar sus ancestros, su pueblo, su territorio, Jerusalén, el templo y la Torah; descripciones que no corresponden al encuentro cercano expresado por Cristo al experimentar la común unión: “El Padre y Yo, somos una misma cosa”, la cual coincide con la descrita por los místicos iluminados. Las leyes de la guerra dictadas por Moisés en el Deuteronomio causales del despojo, exterminio y sometimiento de las doce tribus cananeas, y del actual genocidio del pueblo palestino, hacen evidente la ideología racista, criminal y genocida serial que sigue el pueblo judío desde tiempos bíblicos hasta hoy en día, conducta opuesta a la doctrina de la no violencia enseñada por Cristo __ Discernimiento que nos aporta las suficientes pruebas objetivas de juicio que nos dan la certeza que el profetismo judío o revelación bíblica, es un semillero del mal OPUESTO A LAS ENSEÑANZAS DE CRISTO, ya que en lugar de sanar y prevenir las enfermedades del alma para desarrollarnos espiritualmente, enerva a sus seguidores provocándoles: alucinaciones, cretinismo, delirios, histeria y paranoia; propiciando la bibliolatría, el fanatismo, la intolerancia, el puritanismo hipócrita, el sectarismo, e impidiendo su desarrollo espiritual. http://www.scribd.com/doc/33094675/BREVE-JUICIO-SUMARIO-AL-JUDEO-CRISTIANISMO-EN-DEFENSA-DEL-ESTADO-LA-IGLESIA-Y-LA-SOCIEDAD

    ResponderExcluir